Want create site? With Free visual composer you can do it easy.

Inteligente, ágil e carinhoso

A raça canina Maltês é uma das mais antigas do Ocidente. A origem do nome vem da palavra “malat”, o que significa porto. Os ancestrais dessa raça se originaram nas cidades marítimas italianas do Mediterrâneo.

A cor branca é uma das suas principais características da raça nos dias atuais. Em tempos antigos, o cão Maltês nascia com outras cores de pelagem. A partir do século XX, foi firmado que os cães dessa raça seriam apenas somente brancos.

Os malteses eram adorados pelas mulheres da realeza desde o início do século XIV. Exemplares da raça foram presenteados a Rainha Vitória. Atualmente, a raça é sucesso entre as madames.

 

Características

Considerado cão de colo, o maltês é um cachorro de porte pequeno e atinge no máximo aproximadamente 25cm de altura, no estilo “pet fofinho” em toda sua existência. E pesa entre 3 a 4 quilos. Há pouca diferença de entre os machos e fêmeas, mas eles são maiores e pesados do que elas.

A expectativa de vida de um maltês é razoavelmente longa e pode chegar até 12 anos. O corpo do cãozinho é comprido e esbelto, coberto com pelagem longa e sedosa e completamente branca. A calda é muito espessa e geralmente se curva sobre o dorso. A cabeça possui tamanho médio, os olhos são escuros e o focinho cônico.

A raça possui pescoço longo e sempre mantém a cabeça erguida que garante uma aparência elegante e aristocrática, por conta do pelo sedoso, longo e do jeito suave e delicado de andar que parece que o animal flutua ao chão.

Essa raça é um ótimo cão de companhia.

 

Temperamento

O Maltês é um cachorro hiperativo, adorável, inteligente, ágil, carinhoso, cheio de vida, atento, tranquilo, educado, gentil, companheiro, esperto e bastante dócil. A raça é ideal para crianças e pessoas idosas.

Apenas 20 a 30 minutos de caminhadas diárias são suficientes para descarregar sua energia. Além disso, adora brincar e ser divertir, por conta da sua grande energia.

Apesar de ser muito esperto, é preciso muita persistência e paciência dos donos para ensinar a essa raça, alguns ensinamentos.

 

Cuidados

Os pelos do maltês precisam ser escovados todos os dias, pois se enrolam facilmente. Os bolos nos pelos podem causar dermatite no pet. São recomendadas tosas higiênicas uma vez por mês. Apesar do excesso de pelagem, essa raça não perde muito pelo, o que é representa uma ótima opção para pessoas que tem alergia. Pelo menos uma vez por semana é preciso limpar orelhas, olhos e barba.

Há algumas doenças que atingem essa raça: cinomose, coronavirus, parvovirose, hepatite, traqueobronquite, leptospirose e a dermatite já mencionada pela falta de cuidado com a limpeza e necessidade de aparar os pelos.

Além disso, os malteses costumam ter luxação na patela. É fundamental ficar atento aos sinais (esticar a perna para trás quando anda, andar manco) dessa complicação para leva-lo ao veterinário e trata-lo o mais rápido possível.

Os malteses não gostam de ficar sozinhos. Eles acabam se sentindo tristes e abandonados e podem até desenvolver depressão. Portanto, antes de levar um para casa, pense bem se terá tempo disponível para cuidar dele.

 

Quer um Fuça? O Site Fuçapet vai lhe ajudar a encontrar um Maltês.

Acesse www.fucapet.com.br

 

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.